São Paulo Fashion Week Verão 2016 – Parque Cândido Portinari

Publicado: 27/08/2019 em Evento, Moda

090
Foto: Paulo Ruch

A atriz Natallia Rodrigues na edição comemorativa dos 20 anos da São Paulo Fashion Week, durante a sua temporada Verão 2016, no Parque Cândido Portinari.
Natallia é paulistana.
Com apenas 10 anos iniciou a sua carreira de modelo, sendo que somente aos 15 decidiu entrar para um curso de teatro.
Em busca de melhores oportunidades na profissão, resolve se mudar para o Rio de Janeiro, onde consegue o seu primeiro papel na TV, a Patty de “Desejos de Mulher”, novela das 19h escrita por Euclydes Marinho para a Rede Globo em 2002.
Aposta jovem da emissora, é escalada para viver uma vilã, Carla, entre os anos 2003 e 2004, na 10ª temporada de “Malhação”.
Após um episódio no programa “Linha Direta” (“O Crime do Sacopã”), a intérprete ruma para outro canal, a RecordTV, no qual participa de um folhetim de época adaptado por Marcílio Moraes e Rosane Lima de três romances de José de Alencar (“Senhora”, Lucíola” e “Diva”), “Essas Mulheres” (sua personagem se chamava Nicota Seixas).
Mantém-se na RecordTV, integrando o elenco de uma trama juvenil criada por Margareth Boury, “Alta Estação”.
Sua telenovela seguinte foi “Luz do Sol”, de Ana Maria Moretzsohn, em que defendeu a Promotora de Justiça Laura.
Sua última aparição na Record se deu em uma produção de Cristianne Fridman, “Chamas da Vida” (na história, personificou Suelen, uma moça do subúrbio do Rio de Janeiro seduzida pela fama).
Em seu retorno à Rede Globo, tem passagens por duas novelas: “Insensato Coração”, de Gilberto Braga e Ricardo Linhares, e a livre adaptação da obra de Jorge Amado, “Gabriela, Cravo e Canela”, “Gabriela”, assinada por Walcyr Carrasco (a atriz interpretou Natasha, uma prostituta de origem russa).
No ano seguinte, em 2013, volta a trabalhar com Walcyr, desta vez em “Amor à Vida”, em que encarnou uma enfermeira, Elenice.
Após todos esses trabalhos, Natallia experimenta o canal fechado, no caso o Multishow, sendo convidada para participar da série baseada no livro de Marcelo Rubens Paiva, “A Segunda Chamada”, como a cafetina Fabi (na sinopse, desvenda-se o mundo da prostituição de luxo em São Paulo).
Em 2015, ocorre a sua terceira colaboração com o autor Walcyr Carrasco, ao entrar para a trama de sua nova novela, exibida às 23h pela Rede Globo, a polêmica “Verdades Secretas”, como Estela.
Depois de fazer uma participação em um episódio da sitcom “Eu, Ela e Um Milhão de Seguidores”, no Multishow, a artista representa Michelle, na série da HBO criada por Bruna Lombardi, “A Vida Secreta dos Casais”.
Já nos cinemas, além de suas atuações em curtas-metragens, esteve em “Estamos Juntos”, de Toni Venturi; “Os Homens São de Marte… e É pra Lá que Eu Vou”, de Marcus Baldini; “Elis”, de Hugo Prata; “O Doutrinador”, de Gustavo Bonafé; e “Skull – A Máscara de Anhangá”, de Kapel Furman.
A atriz também poderá ser vista em “Virando a Mesa”, de Caio Cobra, com previsão de estreia para o final deste ano.
Nos palcos, Natallia encenou mais de uma dezena de espetáculos, como “Mancha Roxa”, “Abajur Lilás”, “Beijo no Asfalto”, “Paris Belfort”, “Vamos?”, “Divórcio!”, “Caros Ouvintes”, “Sobre Ratos e Homens”, “Jogo Aberto” e “O Inevitável Tempo das Coisas”.
Em sua mais recente peça, Natallia Rodrigues dividiu a cena com Edwin Luisi e Anderson Müller, num texto de Renato Modesto com direção de Alexandre Reinecke, “O Martelo”.

Agradecimento: TNG

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s